A importância do e-mail marketing para a Black Friday

Quando o assunto é rede social, uns preferem o Facebook e outros preferem o Twitter. No entanto, mesmo

Quando o assunto é rede social, uns preferem o Facebook e outros preferem o Twitter. No entanto, mesmo com a adoção cada vez maior dessas famosas redes pelo público, a verdade é que todos ainda usam o bom e velho e-mail diariamente, seja para fins profissionais ou apenas para conferir algumas novidades da caixa de entrada.

E com a aproximação da Black Friday — que acontece sempre na última sexta-feira de novembro —, nada melhor do que entender por que essa “antiga” ferramenta da internet continua sendo uma das principais armas quando o assunto é venda.

O e-mail nunca sai de moda

De acordo com uma pesquisa realizada pelo site Venturebeat — um dos maiores portais especialistas em mercado digital no mundo —, quem investe no e-mail marketing como estratégia de negócios na internet nos Estados Unidos tem constatado um incrível retorno do investimento (ROI) na casa de 222%.

Algo bastante acima da média — até mesmo se comparado a outros meios, como as redes sociais. Mas para quem já conferiu nosso artigo sobre as vantagens do e-mail, sabe que isso não é novidade.

E sabendo desses números, nada melhor do que apostar no poder dos e-mails para vender em uma data como a Black Friday, que promete ser (novamente) uma das mais lucrativas do ano.

O sucesso da Black Friday no Brasil

Para não deixar de usar o jargão “apesar da crise”, em 2017, é esperado um aumento de 12% nas vendas durante o Black Friday, segundo uma reportagem da Folha de S.Paulo. Esse percentual, em números reais, significa um montante de quase 1 bilhão de reais em vendas durante esse período. Vale ainda dizer que empresas como a Netshoes já registraram um aumento de até 60% no volume de vendas durante algumas edições passadas da Black Friday.

Mas como abocanhar uma parte dessa fatia usando o e-mail marketing? Descubra a seguir:

Como preparar a sua estratégia de vendas com e-mail marketing

Pra se dar bem com a Black Friday em 2015 você precisa se planejar o quanto antes. Afinal, é necessário negociar com seus fornecedores para que sua empresa consiga descontos reais para os clientes naquela data.

Além disso, é muito importante cravar uma “boa impressão” da sua marca na memória das pessoas para que elas se lembrem de você no futuro. A “metade do dobro” não é o caminho pra que isso aconteça, então ofereça descontos de verdade e que você consiga manter.

Crie uma landing page

Uma das melhores estratégias pré-Black Friday é a de captação de e-mails: crie uma landing page pedindo para que os interessados se cadastrem por lá para receberem informações sobre descontos de antemão. Cada novo visitante que vier ao seu site terá um estímulo a mais para deixar o contato dele.

Mantenha os clientes informados

E-commerces como o Steam (especializado em vendas de games) também preparam os seus clientes informando de tempos em tempos quais serão algumas das promoções que os clientes poderão conferir no grande dia. Isso, além de ajudar a guardar o nome da sua loja na memória dos usuários, também serve para que eles poupem dinheiro para comprar ainda mais na data.

Atente-se à frequência de mensagens

Já no grande dia, não dispare todas as suas promoções de uma só vez. Avise aos seus clientes de hora em hora sobre algum item com desconto. E não se preocupe em avisá-los durante a madrugada, pois se tornou comum ver clientes que esperam até a virada da meia-noite para correr atrás de descontos.

A Black Friday é mais uma ideia que foi importada para o Brasil com sucesso. Por isso, comece a pensar no assunto agora, afinal, quando o tema é venda, nada como o planejamento.

E você, já está se preparando para a Black Friday? Então conte para a gente aqui nos comentários quais são as suas expectativas para essa data tão aguardada.

Deixe um Comentário